quinta-feira, 26 de março de 2009

eu gosto da sua companhia. gosto de você.
gosto do jeito como passa sua mão pelo meu cabelo.
eu gosto quando me morde. gosto das suas marcas em mim.
gosto do jeito como olha pra mim e me faz sentir especial.
eu gosto das dúvidas que você me deixa. gosto de me importar com você.
gosto do jeito que você me previne pra não me apaixonar.
eu gosto desse rítimo de aventuras discretas. gosto de não saber quando.
as vezes não gosto de alguma coisa, e não gosto de não conseguir falar a respeito.
eu gosto mais do que não gosto. não sou tão negativa quanto você pensa.

quarta-feira, 25 de março de 2009

é sim. seu beijo me mata.
faz eu perder a noção de qualquer coisa.
me enfeitiça, envenena.
tem um gosto doce, que eu jamais encontrei em nenhum outro.
é único.
é encaixe.

entendeu?
Tô triste, desde ontem a noite.

quarta-feira, 18 de março de 2009

Hoje não tem textos elaborados. Hoje é estilo "diarinho". I'm happy, I'm happy, I'm very happy. Aos poucos tudo se encaixando e tudo se realizando. Estou super contente no aspecto profissional, gosto do que estou fazendo, gosto da credibilidade das pessoas em mim, gosto da babação, gosto da correria, gosto da irritação.
Hoje queria sair e explodir, comemorar qualquer coisa que fosse. Mas tenho reunião bem cedinho. Gosto disso também.
Chega de gritar a felicidade, pois a inveja tem sono leve.

terça-feira, 17 de março de 2009

Nós fomos pegos. Fomos condenados. Sentenciados a controlar nossos impulsos, a agir como pessoas normais. Mais uma vez, mais um dia, a nossa falta de controle nos levou a graves consequências. Teremos que ser mais criativos daqui pra frente. Andaremos na noite como gatunos, andaremos pelas sombras para que ninguém nos veja. Inventaremos histórias e despistaremos todos os demais. E a cada dia, cada nova aventura eu me prendo mais e mais. Você alimenta minha mente, exatamente do jeito que eu espero, surpreendendo.
I've got a fever, come check it and see
There's something burning and rolling in me
We may not last, but we'll have fun till it ends
C'mon baby, be my bad boyfriend

I want to hear you call out my name
I want to see you burn up in flames
Keep you on ice so I can show all my friends
C'mon baby, be my bad boyfriend

So ripe, so sweet - come suck it and see
But watch out, daddy, I sting like a bee
I know some tricks I swear will give you the bends
C'mon baby, be my bad boyfriend

My fever's rising, you ran into luck
Say what, sugar? You want to get what?
I'm going to give you one hundred and ten
C'mon baby, be my bad boyfriend

It's wild the way you tease me
It's wild the way you free me
It's wild the way you reach me
Wrapped me up in your wire from the start

You've got the women waiting in line
I'm not asking you to make up your mind
But I can make you happy at least now and then
I've got something special for my bad boyfriend

If you can't love me, honey, go on, just pretend
I've saved something special for the very end
If you can't love me, honey, go on, just pretend
C'mon baby, be my bad boyfriend

Bad boyfriend (Garbage)

domingo, 1 de março de 2009

Sob as estrelas. A noite se despediram do portão. Ele deu as costas e seguiu. Eu ainda posso sentir o cheiro dele em meu corpo. Dormir se tornou uma tarefa difícil. Eu abria os olhos e podia ver as estrelas no teto do meu quarto. E ao fechar os olhos, era como se revivesse tudo novamente. O sereno refrescando nossos corpos. Ele estava em anestesia e eu estava em sinestesia total, sentimentos e sensações.